04/12/2014

Uma história de Força e Superação. Príncipe Rael - Parte 2

04/12/2014
Oiiii meus queridos e queridas, hoje vim dar continuação ao relato da História que surpreendeu e emocionou muita gente: A História do príncipe Rael. Se você não viu a primeira parte clique Aqui.
Segunda parte a seguir... 

Na segunda fomos para o hospital , para a internação do meu bebe !
Chegamos lá, meu esposo assinou toda a papelada da internação, e aguardamos a vaga para um leito, Então enquanto aguardávamos Rael foi colher sangue, para fazer alguns exames, ele teve que tirar 8ml de sangue foram mais 4 furadas para tirar sangue, um sofrimento só, não aguentei ficar na sala, deixei ele com meu esposo e sai para chorar no corredor, não aguentava ver tanto sofrimento.. Quando Rael voltou pros meus braços ele estava mole de tanto que chorou , e muito sentido...
Então, assim que saiu a vaga do quarto, nós subimos, mas infelizmente meu esposo não pode dormir comigo, então minha mãe foi para o hospital e dormiu comigo.. A cirurgia estava marcada para 11 horas da manha, rael precisava ficar 8 horas de jejum, as 3 da manha dei a ultima mamada pra ele, e ele dormiu um sono profundo, quando deu 6 horas da manha meu esposo chegou, e o bebe ainda estava dormindo e eu torcendo para que ele não acordasse tão cedo, quando foi por volta das 9 horas da manha ele acordou, todo sorridente, nem parecia que estava em jejum, então começamos a distrai-lo, andar com ele, conversar , brincar, quando deu 10:30 a fome chegou, mas ate então ele apenas reclamava, então a enfermeira chegou com um sabonete líquido e um roupão para mim dar um banho nele e prepara-lo para cirurgia, e assim foi feito, na hora que estava colocando aquele roupão nele meu coração apertou, comecei a chorar, parecia que era tudo um pesadelo.. Mas mesmo assim estava confiante na palavra de Deus...



Deu 11 horas e nada, meus seios já estavam vazando muito, o cheiro de leite já havia tomado conta de mim, e o Rael já estava bastante estressado e com fome, dai em diante eu já nao podia mais ficar com ele, pois ele sentia meu cheiro e chorava muito, então minha irma chegou e ela e meu esposo distraia o Rael, e eu vendo meu bebe ali morrendo de fome e
nao podia fazer nada, eu estava tão sensível com tudo aquilo que acabei desmaiando.. Mas foi apenas um susto, os minutos passavam tão devagar 1 minuto parecia 1 hora, houve uma
cirurgia de emergência antes do Israel, e por isso eram 13:00 da tarde e eles ainda não tinham chegado, meu esposo andando pelo hospital pra lá e pra cá, com o Rael no colo ate que ele dormiu parecendo um anjinho, derrepente as portas do elevador se abriram, e sai um enfermeiro com uma maca de dentro do elevador, E disse "vim buscar o Israel." naquela hora a minha ficha caiu , abracei com minha irmã e desabei em lagrimas, pedi para ele deixar eu levar o Israel em meu colo ate a porta do centro cirúrgico, mas não podia , tinha que leva-lo na maca, então pedi para subir em cima da maca com ele, e lá fomos nós encima da maca, e o Israel estava bem Quietinho...




Quando chegou na porta do centro cirúrgico eu desci de cima da maca, dei um abraço apertado no meu bebe e disse "Eu te amo Meu filho" O anestesista veio perguntar se nós gostaríamos de tirar duvidas antes dele entrar pro centro cirúrgico, no fundo eu tinha tantas perguntas, mas eu disse "Não, pode levar ele.. " pois era muito difícil ver meu bebe sofrendo de fome, então eles entraram , O Israel entrou chupando os dedinhos, quando aquela porta se fechou, eu e meu esposo nos abraçamos, minha mãe, irmã, sogra , sogro, todos ali do nosso lado, chorando muito também, mas um passando força pro outro, foram 4 horas de espera, eu estava confiante que Deus iria devolver meu filho com vida, e nessas 4 horas foram muitas 
orações, eu ali naquela sala de espera uma mistura de medo, de confiança, aflição, oh meu Deus, quanta aflição, eu fechava meus olhos e imagina o Israel dentro daquela sala, abrindo a cabecinha, o medico puxando uma parte pra frente outra pra traz, e tudo aquilo me enchia de medo, mas nós estavamos todos confiantes em Deus, passaram-se 3 horas e vieram com um termo de responsabilidade para mim assinar dizendo que meu bebe precisaria tomar sangue, eu fiquei desesperada, mas todos me tranquilizaram e eu assinei aquele termo, foi uma correria só para pegar bolsa de sangue, um corre daqui outro dali, e eu muito aflita, porém ainda confiante, após 1 hora as portas se abrem e sai o Dr. Luiz e toda sua equipe, dizendo que a cirurgia foi um sucesso ... Meu Deus naquela hora meu coração disparou, uma alegria sem fim, minha irma me abraçou e disse "Jé agora eu vou chorar, tudo o que eu segurei para te passar força, porque foi muito difícil ver tudo isso, foi muito dicicil não demonstrar o medo que eu também senti, nós vencemos minha irmã, o Israel venceu" e juntas nós choramos, abracei com meu esposo, pulei no colo dele de tanta alegria, minha mae meus irmãos , minhas cunhadas , cunhado, sogra, sogro.. Todos lá parecia uma festa rsrs, uns abraçando o outro , todos chorando de alegria, abracei o medico...



Foi uma alegria só, então estávamos aguardando a saída do Israel do centro cirúrgico , passaram uns 20 minutos, e ouvimos uma voz bem alta "FAMILIA DO ISRAEL" lá vamos nós,
todos ansiosos, abriram as portas e sai ele todo entubado, cheio de aparelhos e ainda sedado, mas mesmo assim a nossa alegria ainda era a mesma, afinal "O pior Já Havia passado" eles saíram do centro cirúrgico e já entramos no elevador , só eu pude ir com o bebe.



minha familia ficou toda lá em baixo, quando chegamos na porta da UTI pediátrica, eu nao pude entrar , pois eles iam ajeitar o Israel no quarto e ligar os aparelhos, enquanto isso minha familia toda subiu e ficou comigo lá na porta da UTI, e todos morrendo de ansiedade para ver o Rael, passaram umas 1hora e meia, e eu entrei para ver meu pequeno, confesso que aquele momento foi MUITO difícil. Quando entrei na sala, me deparei com o Israel cheio de aparelhos, e fios pelos corpo, ele estava entubado, e o efeito da anestesia já havia passado, então ele chorava muito, sua voz não saia por causa do Tubo.



ver meu pequeno naquela situação foi de partir o coração, eu fui tentar acalma-lo, comecei a conversar com ele, mas quando ele escutou minha voz, os seus batimentos cardíacos foram para 212, ele gritava, e as lagrimas desciam em seus olhinhos , mas voz nenhuma saia, então as enfermeiras entraram no quarto, e pediu para que eu não conversasse com ele, para o coraçãozinho dele não acelerar, a enfermeira aplicou uma dose de sedação nele para que ele se acalmasse, e eu ali do lado daquela cama, ele olhava vem nos meus olhos, chorava bastante, e eu segurando na mãozinha dele que estava amarrada,ate que os minutos foram se passando, seus olhos foram se fechando lentamente, os batimentos foram normalizando, e ele dormiu !



A recuperação do pequeno Israel era surpreendente, no dia seguinte , o fisioterapeuta aspirou toda secreção que havia ajuntado no nariz e na garganta ( foi colocado um caninho  dentro do nariz dele que ia ate a garganta, sugando toda secreção) ele chorava muito para aspirar. A respiração dele estava ótima, então ele foi estubado, pude então ouvir a voz do meu pequeno mesmo que ainda bem rouca.. Rael infelizmente sentia muita dor, mas estava bem ! Ele passou o dia bem, mas foi começando a inchar. 




A noite as enfermeiras deram o primeiro banho nele, o Meu Deus quanta aflição, ela foi desgrudando o esparadrapo da cabecinha dele, e ia repuxando a pele, e ele soava de tanto que gritava, ficava todo vermelho, pra lavar o local da cirurgia ela jogava aquele liquido e passava o gases na maior frieza, e meu pequeno já estava quase roxo de tanto que chorava.


Naquela hora eu encostei na janela do quarto e me perguntava pra Deus , porque comigo ? Eu não podia fazer nada pelo Rael, ele ali naquela cama gritando e eu encostada naquela janela virada de costa pra ele, pois minhas forças já haviam acabado, elas tiraram a sonda e o acesso arterial, o que me deixou mais aliviada naquele momento tão doloroso, quando o banho dele acabou eu encostei meu nariz no rostinho dele, e ele soluçava de tanto que tinha chorado, então eu comecei a cantar pra ele um trecho de hino que diz assim..
 

"Você é um escolhido
E a tua história não acaba aqui
Você pode estar chorando agora
Mas amanhã você irá sorrir
Deus vai te levantar das cinzas e do pó
Deus vai cumprir tudo que tem te prometido
Você vai ver a mão de Deus te exaltar
Quem te ver há de falar
Ele é mesmo o escolhido"

 

E ele pegou no sono, aquela noite também foi super tranquila, mas no dia seguinte Rael estava tão inchado que não abria nenhum dos olhos, e isso o deixava bem estressado.


Na parte da tarde a medica liberou amamentação, depois de 3 dias de jejum, eu ainda não podia pega-lo , então a pediatra queria que eu tirasse leite e desse na mamadeira pra ele, mas Jamais iria perder essa oportunidade de poder amamenta-lo , então pedi uma escadinha, joguei um fio pra um lado outro fio pra outro lado, me curvei, e amamentei, (Nossa, como eu chorei de emoção) ele Mamou tanto, parecia que era a primeira vez, foi muito emocionante , até as enfermeiras se emocionaram com aquela cena!


No começo da noite, foram suspensos todos os antibióticos e medicamentos, mais uma vitoria.. E ele também já estava conseguindo abrir um pouco uns dos olhos!
Naquela madrugada pequei pela primeira vez meu bebe no colo, foi outra emoção, foram uma emoção atrás da outra ! Poder senti-lo , toca-lo, amamenta-lo novamente, parecia ser a coisa normal, mas pra mim era como se ele tivesse renascido, eu chorava a todo momento de tanta emoção..



No dia seguinte cedinho, Rael tirou o acesso central do pescoço e recebemos alta da UTI, quanta alegria, mais uma emoção... Fomos para o quarto, Rael então deu o seu primeiro sorriso, depois de todo esse trauma, ele já conversava, já brincava, e quase não sentia dor..



 

No dia seguinte eu e o papai dele demos o banho nele na banheira, ele ainda sentia um pouco de dor, mais nada que muito amor e carinho não resolvesse, o papai dele apoiou a cabecinha dele a todo momento para não forçar enquanto eu dava o banho, tiramos o esparadrapo aos poucos para nao machuca-lo e pronto estava cheiroso e trocado.. Rael passou a noite bem, mas acordou com muita tosse, a pediatra passou apenas uma inalação! E um xarope, Depois de 6 dias, de tanta luta.. O Neurocirurgião vem , e diz "MaMãe o Guerreiro Israel está de alta, Parabéns pela força" 




Na hora em que recebemos a noticia da alta, a emoção foi grande! Em fim de volta pra casa...





Maaaaaaaas... Infelizmente nada é do jeito que queremos, no dia seguinte, Rael estava com dificuldade de respirar, e a tosse não cessava, ele estava muito cansado, então retornamos para o hospital, e adivinha? Ele estava com Bronquiolite forte, tomou umas inalações, e foi direto pra UTI novamente...



Ficou 2 dias na UTI, e 5 no quarto. O dia das crianças chegou, e meu pequeno ali naquele hospital..  Mas nós não desanimamos não, o papai dele trouxe bexigas, eu peguei meu lapis de olho para fazer os dentes, cortei o plastico do pacote de fraudas dele para fazer os olhos e decoramos o bercinho dele lá no hospital, ele ficou todo em pressionado com as bexigas..




Foram mais 7 dias internados, e ele finalmente teve alta ! Voltamos para casa, só alegria. Sua recuperação estava cada dia melhor.. Só eu e ele, sem agulha sem enfermeira...



Na semana seguinte, voltamos para a consulta pós operatória, e para retirada dos pontos, foi outra parte muito difícil, foram 33 pontos.



 Cada pontinho que a enfermeira puxava , repuxava o couro da cabeça, e ele gritava, e eu como sempre chorava muito.. Tirou todos os pontos, mas teve 1 que não havia cicatrizado, tinha uma casquinha que se levantasse ela, ainda estava um buraco embaixo, o neurocirurgião disse que precisaria lavar todos os dias com soro fisiológico e fazer o curativo, ate cicatrizar, e se não cicatrizasse eles iriam ter que fazer uma micro cirurgia para fazer novos pontos naquele local, disse para mim retornar após 15 dias pra ele verificar novamente.. Nossa, eu sai de lá arrasada.. Mas novamente estava confiante..



Pedi força pra Deus, pra poder cuidar desse ponto que nao havia cicatrizado.. E gracas a Deus , Deus me deu força.. Foram mais 15 dias fazendo o mesmo curativo, lavava, limpava e tampava !




Passando os 15 dias voltamos lá, o neurocirurgião me parabenizou, e me agradeceu por ter cuidado tão bem dele ! Foi muito bom ouvir isso do Dr, disse que agora só precisamos voltar lá, em janeiro ! E hoje estamos aqui.. Dois meses se passaram, Hoje Rael brinca, da risada, faz bagunça, e me faz a mamãe mas feliz do mundo.. com 4 meses de vida (quase 5). Ele não lembra de nada desse sofrimento, mas eu vou guardar essa página das nossas vidas pra sempre... Rael antes e depois da cirurgia. 
#Mais_Um_Vencedor_Da_Cranioestenose




Nunca desanime, nunca perca a fé em Deus.. Pois ele é um Deus do impossível é o Deus que faz possível um Milagre acontecer! Israel, um anjo de Deus nas nossas vidas!!!!




Fim !!!!


Minha querida Jéssica, não só eu como todos que aqui leram seu relato se emocionaram e se encantaram com a história linda do Rael, que com certeza foi escrita pelos dedos de Deus. Te agradeço muito por ter registrado a história de vocês aqui, é uma honra ter uma história tão linda marcada aqui.  Você é mais uma das mães adolescentes que fazem toda a diferença. Que Deus abençoe muito o Rael e essa linda familia!

21 comentários:

  1. Me emocionei ao extremo , por isso eu digo quando colocamos nas mãos de Deus não tem erro , saímos mais do que vencedor.
    Queria parabenizar a mãe Jéssica por toda essa força e por toda essa fé que você tem , porque existe pessoas que não iriam até o fim , mas Deus te deu forças , ele te fez forte . E você e sua família saíram mais do que vencedor .

    Parabéns !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado linda.. Chris Santana..

      É verdade, Deus que dá força.. Porque hoje relendo a historia do Rael.. Não me imagino passando por isso de novo.. Foram dias difíceis..

      Que Deus abençoe muito você também linda 💜

      Excluir
  2. Não tem como não se emocionar com a historia , parabéns a mamãe e ao bebê também , guerreiros ! Deus continue abençoado vocês !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amem linda Yasmim Bernardo..
      Que Deus te abençoe grandemente também 💜💜

      Excluir
  3. Chorei muito e nao me imagino no lugar dela , mais Deus e maior parabens , seu filho e muito lindo e guerreiro ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Isadora..

      Amém Deus abençoe pelo carinho..


      😊💜💜

      Excluir
    2. Obrigado Isadora Ribeiro..
      Amem, e que Deus te abençoe muito também..

      Obg pelo carinho 💜💜💜

      Excluir
  4. Nossa eu chorei o tempo todo.
    Eu tenho dois filhos e o meu primeiro filho tive com quase dezoito anos hj tenho 23 e tive mas outro filho. A thalya e o Riquelme.meus maiores tesouros. Parabéns mãe for sua forca e por confiar em deus.
    Parabéns Real deus te proteja príncipe guerreiro lindo.presente de deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda.. Obrigado pelo carinho..
      Filhos são dádivas de Deus
      Que Deus abençoe grandemente vocês também 💜💜💜

      Excluir
  5. Parabéns Jessica vc é uma mãe Guerreira e um exemplo de mulher esta de parabéns e realmente Deus e o Deus do impossível

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo carinho EVELINE

      que Deus abençoe você linda 💜💜

      Excluir
  6. Nossa, chorei tanto que sentia como se fosse a minha filha passando por tudo isso...
    Flor parabéns por ser tão guerreira e por ter tido a graça de Deus te enviar esse anjinho tão forte e guerreiro que conseguiu passar por tudo isso.
    Deus ainda vai agir muito na vida de vocês. Nunca deixei de ter fé.

    Beijoos :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda, obrigado pelo carinho ..
      Que Deus abençoe muito você também..

      Eu creio que Deus ainda vai agir muito na vida do rael !💜💜

      Excluir
  7. Anônimo5/12/14

    Meu Deus que história. . Me e arrepiei do início ao fim. .. Parabéns mamãe por receber de Deus esse anjo... Israel guerreiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda, obrigado pelo carinho
      Que Deus abençoe você 💜

      Excluir
  8. Quando colocamos nossas vidas nas ãos de Deus não tem erro Ele sempre sabe o que faz. Ele sim sabe dirigir nossos passos, Ele sim sabe fazer uma obra perfeita. Quero parabenizar a mamãe Jéssica por tanta força, por tanta fé, por tanto amor. Rael você sim é um verdadeiro guerreiro. Que Deus continue te abençoando sempre. Você é a prova viva de que existe sim um Deus Todo Poderoso....Deus abençoe mais e mais essa família. Parabéns pela vitória!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda ... Obrigado pelo carinho..
      Vdd.. Tudo oque deixamos na mão de Deus, ele faz a coisa certa pra gente !..
      Que Deus abençoe você flor 💜

      Excluir
  9. Letcia15/12/14

    Parabeeeens elle e Um Guerreiro .queee Deus abencoe cada.diiiaaa maaais .eleee e um presente De Deuus . Bebe mais precioso desse mundoo Uma Riqueza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ouun linda.. Obrigado pelo carinho.
      Ameeeem, e que Deus abençoe muito você também ! 💜

      Excluir
  10. E hoje relendo a história do Israel, me deparo com o rosto cheio de lagrimas..
    Foram dias difíceis, porem vitoriosos..

    Que Deus continue abençoe meu príncipe !/

    Obrigado Dany por reservar um espaço aqui pra essa historia tao linda.. Obg pelo carinho 💜

    ResponderExcluir
  11. E hoje relendo a historia do Israel me deparo com o rosto cheio de lagrimas,
    Foram dias difíceis porem vitorioso..

    Obrigado Dany por reservar um espaço aqui pra essa historia tao emocionante.. Obg pelo carinho 💜

    ResponderExcluir

Comente! Adoramos recadinhos *___*